maio 02, 2011

Zone 261


Zone 261 foi produzido em apenas 4 semanas pela Lost Liner Productions, uma produtora sueca, como uma prova de conceito para demonstrar a viabilidade do filme. A Lost Liner criou e produziu cerca de 40 efeitos especiais para o piloto com 5 minutos de duração.


Zone 261 apresenta um conceito de filmes de zumbi um pouco diferente, uma história na qual os infectados possuem inteligência. O filme se passa em Landskrona na Suécia em 2013. A sinopse do filme é a seguinte:

Landskrona é uma comunidade na faixa litorânea da Suécia e uma das principais ligações entre os portos e o resto do continente frio.
Em 2013 a região vê uma explosão do ódio étnico entre imigrantes e nativos, seguido de um acidente em que um navio se choca com o cais e a tripulação, infectada por uma estranha doença, que ataca quem tenta ajudar.
Em quarentena e com muros de concreto erguido por militares, os poucos não infectados tentam sobreviver em uma cidade dividida entre antigos inimigos (a xenofobia) e novos inimigos (zumbis!).


O que realmente impressiona é assistirmos os breakdowns das cenas e repararmos que a maquiagem é praticamente toda feita digitalmente. Atualmente o filme está em fase de pré-produção.


Para os efeitos foram utilizados Softimage, After Effects CS5, Syntheyes, Mocha e uma ferramenta de rastreamento facial própria. 

Ulf Lundgren, o supervisor de efeitos visuais, espera que este venha a ser o primeiro filme de zumbis sueco e também o mais ambicioso filme com efeitos especiais da Suécia, já com 25.000 acessos na página do filme na primeira semana que o site foi ao ar.


Segundo Ulf:
"Deve-se mencionar que ainda estamos tentando financiar o filme. Isso tudo foi feito com um orçamento zero só para provar que isso poderia ser feito na Suécia. (Este país continua a sofrer do complexo de Ingmar Bergman de tem que fazer filmes muito sérios sem nenhum efeito), mas eu realmente gostaria que isso prove quão longe você pode começar com uma câmera emprestada, alguns atores realmente bons (trabalhando de graça no fim de semana) um bom maquiador e uma quantidade maluca de CG para compensar por não ser capaz de alugar helicópteros ou um lugar para atirar. "

Veja o trailer piloto:



Veja o making-of do trailer piloto:

3 comentários:

Jack, The Ripper disse...

Muito bem feito tais efeitos, remete a qualidade de produção da brilhante série de televisão "The Boardwalk Empire".

william fernandes vaz disse...

vc poderia me dizer como assistir esse filme completo nao consugo achalo em nem um site

william fernandes vaz disse...

vc poderia me dizer como assistir esse filme completo nao consugo achalo em nem um site

Postar um comentário